fbpx

Granada é uma cidade espanhola de Andaluzia, esta é a capital da região de Granada, se encontra aos pés da cordilheira Sierra Nevada, a 738 metros de altitude. Os habitantes são 239.982. Mais de 3 milhões de turistas ao ano visitam esta cidade.

Granada

  O centro da cidade é compacto e fácil de ser explorado a pé, de qualquer canto podemos levantar os olhos e ver o topo das montanhas brancas de neve.

Granada

A atração mais famosa é Alhambra, patrimônio mundial da UNESCO, um palácio histórico cheio de símbolos da cultura mourisca e da cultura católica. Alhambra foi mencionada como uma das 7 maravilhas do mundo moderno. A sua superfície tem mais de 100.000 metros quadrados. Esta é provavelmente uma das maiores obras de arte arabe, e a única que chegou até hoje praticamente intacta. Ergue-se no monte Sabika, o panorama da cidade aos seus pés é maravilhoso. Em origem esta era uma cidadela real fortificada, conhecida já no século IX, funcionava em modo autônomo com escolas, lojas e mesquitas.

Alhambra

O nome “Al-Hamrā” significa forte vermelho. Este local é constituído de vários edifícios, torres e jardins, precisamos de várias horas se queremos visitá-lo todo. A área mais surpreendente e melhor preservada é o Palácio Nazaries, são três edifícios; Mexuar é a área mais antiga, na época era dedicada à gestão de questões públicas e da justiça, este edifício é decorado com azulejos e arabescos.

Mexuar

O palácio do trono de Yusuf I, onde se destaca o Pátio de Los Arrayanes com a sua enorme piscina na qual se reflete a torre de Comares, a mais alta de todas.

Palácio do trono de Yusuf I

E o palácio de Mohamed V com o famoso pátio dos leões, a sua varanda com 124 colunas construídas com mármore branco e no centro um chafariz decorado com 12 leões.

Palácio de Mohamed V

Em frente a Alhambra encontramos Generalife, um palácio cercado por maravilhosos montes, lindos jardins e chafarizes, está è um oásis. Na época era a residência de verão dos sultões, um lugar ideal para o repouso . Foi edificado em 1300, o nome deste monumento tem origem arabe “Yanat-al-Arif” e significa jardim do arquiteto, mas não um arquiteto qualquer, o melhor e o mais poderoso de todos, Deus.

Generalife

O bairro de Albayzín é Patrimônio Mundial da UNESCO, por sua singularidade arquitetônica. Fundada pelos mouros o seu nome “Bayyasīn” significa originários de Baeza. Na época este bairro tinha 60.000 habitantes e 26 mesquitas. Hoje podemos passear na rede de vielas, pátios e varandas sempre com flores coloridas que tornam este lugar um dos mais característicos de Granada.  

Bairro Albayzín
Bairro Albayzín

Dar-al-Horra é uma linda estrutura construída no século XV, este monumento é muito interessante porque é o único edifício no bairro de Albayzín em ter mantido o seu aspecto originário. O significado do nome “Dar-al-Horra” è casa da senhora sincera, se pensa que foi inspirado pela mãe do rei Boabdil, o último monarca arabe da Espanha.

Dar-al-Horra
Dar-al-Horra

A Catedral de Granada considera-se a maior expressão de igreja renascentista da Espanha. Os reis católicos fundaram esta igreja em 1492, eles queriam que fosse uma imitação do modelo gótico da catedral de Toledo. Em 1518 Diego de Siloé projetou uma nova mapa do templo em estilo renascentista espanhol. Quase 200 anos depois, em 1704, terminaram a sua construção.

Catedral de Granada
Catedral de Granada

Ao lado da catedral encontramos a Capela Real. Fundada por Isabella e Ferdinando. Os dois soberanos decidiram que queriam que os restos mortais deles fossem guardados aqui. Na sacristia existe um pequeno museu onde podemos admirar a espada de Ferdinando, o cetro de Isabella, a coroa de prata e uma pequena mas muito importante coleção de quadros que pertenciam aos monarcas.

Sepulcro dos soberanos Ferdinando e Isabella

 Esta é uma grande cidade de estudantes (cerca de 60.000) cheia de vida graças a presença prestigiosa da Universidade de Granada. Aqui a noite é bastante movimentada com muitos bares em voga que oferecem tapas para todos os gostos. Combinando isto com bairros originais, flamengo e uma cultura colorida fazem desta viagem uma experiência surpreendente.

Centro de Granada
Deixe o seu Comentário