Genoa, antiga mas também moderna

O charme desta cidade fica na sua posição, se encontra entre as montanhas e o mar da Ligúria. A palavra Genoa tem origem do latim “Janua”, que significa porta. Este nome foi atribuído a esta cidade porque aqui se cruzavam os caminhos de várias populações e culturas. Genoa fascinou escritores, poetas e compositores, que nos versos deles contaram da beleza deste lugar. Podemos perceber através das muralhas da antiga república marítima marcas históricas do seu glorioso passado. Ainda  hoje Genoa é dividida entre pasado e presente. Podemos admirar modernas obras de arte que transformaram a cidade em uma capital italiana de arquitetura moderna. 

Passeando para chegar no pitoresco centro histórico, podemos admirar nobres palácios e antigas igrejas. O centro da cidade depois de anos de decadência foi finalmente  restaurado, e hoje é um lugar cheio de história e grandiosidade. Para vivenciar esta experiência ao máximo é preciso se perder pelas típicas estreitas vielas medievais e descobrir lindas praças. Não é por acaso que uma grande parte do centro foi nomeada Patrimônio Mundial da Humanidade. São vários os locais interessantes, alguns da época do Império Romano e Etruscos como o Castrum, a primeira colônia deste povo. 

Existem também vários museus interessantes. A Museum Card nos permite visitar 28 museus, os mais importantes da cidade, e também viajar com os transportes públicos com somente 15 euros.

A Lanterna é um farol símbolo de Genoa. Este farol é a evidência da vocação marítima desta cidade. A altura desta estrutura é de 77 metros, e se encontra em cima de um monte alto 40 metros. A Lanterna foi construída no século XIV, em cima de um farol que já existia desde o ano 1128, para assinalar a entrada dos navios no porto, mas também para controlar os movimentos ao seu interno. Ao lado do farol encontramos o Museu da Lanterna.

O aquário de Genoa, é um parque marinho que abriga 12.000 exemplares de 600 espécies diferentes, em um ambiente espetacular que reproduz exatamente cada  ambiente natural. Este parque é o maior parque na Itália e o segundo na Europa, ele foi inaugurado em 1992 na zona do Porto Antigo. O percurso se desenvolve entre 70 tanques expositivos, onde podemos observar tubarões, tartarugas, pinguins, focas e muito mais. Podemos observar os animais por duas perspectivas diferentes, uma por dentro de um túnel debaixo da terra que atravessa os tanques, nos dando a impressão de estar dentro da água, o segundo olhando do alto, podemos ver os golfinhos fora da água.